Pular para o conteúdo
Voltar

Defensoria Pública oferece serviços de assistente social na ALMT

DPMT também fornece declarações de hipossuficiência, isenção de taxa matrimonial, da segunda via de certidão de nascimento, casamento e óbito, entre outros serviços
Alexandre Guimarães | Assessoria de Imprensa/DPMT

A equipe da Assessoria Técnica de Assuntos Interdisciplinares (ATAI) da Defensoria Pública atualmente conta com duas psicólogas e quatro assistentes sociais. - Foto por: Arquivo pessoal
A equipe da Assessoria Técnica de Assuntos Interdisciplinares (ATAI) da Defensoria Pública atualmente conta com duas psicólogas e quatro assistentes sociais.
A | A

A Defensoria Pública de Mato Grosso (DPMT) disponibiliza o serviço de assistente social no Espaço Cidadania, na Assembleia Legislativa (ALMT) toda quarta-feira, das 7h às 13h.

Desde março deste ano, quando foi implementado o serviço de assistência social da Defensoria na ALMT, foram realizados 23 atendimentos.

A presença da assistente social Amanda Fontenelli Costa foi possível graças a um convênio firmado entre a Assembleia Legislativa e a Defensoria.

“Inicialmente, começou com o pronto-atendimento das demandas da população que procura o atendimento na Assembleia”, afirmou Amanda.

Segundo a assistente social, o cidadão que procura a ALMT tem um perfil diferente de quem busca os serviços nos núcleos de atendimento da Defensoria. “O atendimento é bem completo, integral. Quem vai para a Assembleia vai como último recurso, então são demandas mais complexas”, comentou.

Os atendimentos referentes a divórcios e vagas em creche estão entre os mais comuns. “A nossa atuação hoje está um pouco mais profunda do que isso. Estamos mapeando todos os serviços da rede (Ministério Público, Defensoria e outras instituições) junto com a Assembleia para oferecer um serviço interdisciplinar, mais político, de rede, ainda mais completo”, explicou Amanda.

A assistente social destacou o atendimento aos imigrantes e citou o caso de um estrangeiro que procurou o atendimento da Defensoria na ALMT. “Consegui encaminhar ele ao CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), ele conseguiu se encaixar no Bolsa Família e arrumou uma entrevista de emprego”, relatou.

A equipe da Assessoria Técnica de Assuntos Interdisciplinares (ATAI) da Defensoria Pública atualmente conta com duas psicólogas e quatro assistentes sociais.

Outros serviços - A Defensoria atende a população no Espaço Cidadania, na ALMT, ao lado de parceiros, como a Superintendência de Defesa do Consumidor (Procon-MT) e a Ouvidoria Pública da ALMT.

Além do trabalho da assistente social, a Instituição também fornece declarações de hipossuficiência (por meio da qual o cidadão declara não ter condições financeiras para arcar com despesas cartorárias e judiciais), isenção de taxa matrimonial e da segunda via de certidão de nascimento, casamento e óbito, entre outros serviços.

Foram 2.601 atendimentos realizados pela Defensoria na ALMT apenas em julho. O atendimento da Defensoria na ALMT está disponível ao público de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.