Pular para o conteúdo
Voltar

Rede de Frente capacita 200 profissionais da segurança pública em Barra do Garças

Agentes foram qualificados para atendimento humanizado e qualificação das provas nos crimes que envolvam violência doméstica e familiar
Alexandre Guimarães | Assessoria de Imprensa/DPMT

A defensora Lindalva de Fátima Ramos ministrou capacitação para 200 agentes de segurança pública em Barra do Garças na semana passada (5 e 6 de novembro). - Foto por: Arquivo pessoal
A defensora Lindalva de Fátima Ramos ministrou capacitação para 200 agentes de segurança pública em Barra do Garças na semana passada (5 e 6 de novembro).
A | A

A Rede de Frente – Rede de Enfrentamento à Violência Doméstica contra a Mulher de Barra do Garças e Pontal do Araguaia realizou, nos dias 5 e 6 de novembro, um curso de capacitação para 200 profissionais que atuam no setor de Segurança Pública de Barra do Garças (521 km de Cuiabá).

Os servidores da Polícia Civil, Política Militar, Politec e Conselho Tutelar foram capacitados para o atendimento humanizado, bem como a qualificação das provas nos crimes que envolvam violência doméstica e familiar contra a mulher.

A capacitação atende ao Eixo III da Rede de Frente: Educação Permanente dos Agentes Sociais. O curso contou com a participação de 90 policiais civis, 90 policiais militares, 12 peritos e 8 conselheiros tutelares. Duas turmas foram capacitadas durante dois dias para possibilitar a participação de um maior número de agentes e também para não prejudicar os trabalhos da segurança pública local.

Ao final da palestra, a defensora pública Lindalva de Fátima Ramos, fundadora da Rede, realizou uma atividade pedagógica com os participantes na forma de interpretação de texto, na modalidade dissertativa, para verificar a efetividade do processo discursivo que permeou a capacitação.

Com arrima no poema “Personalidade”, autoria de Naldson Ramos da Costa Júnior, os partícipes elaboraram dissertações cheias de sentimentos otimistas na multiplicação das técnicas de escuta qualificada e atendimento humanizado.  “Ao final, certeza de dever cumprido”, afirmou Lindalva.

Rede de Frente - A Rede de Enfrentamento à Violência Doméstica contra a Mulher de Barra do Garças e Pontal do Araguaia foi fundada no dia 15 de maio de 2013 e atua em cinco eixos:

 

            I – Atenção/Proteção social da violência doméstica

            II – Aplicação humanizada do procedimento legal

            III – Educação permanente dos agentes sociais

            IV – Núcleo acadêmico de pesquisa

            V – Prevenção e sensibilização social

Desde o início do projeto, apenas um feminicídio foi registrado (em setembro de 2018) nos dois municípios. Antes do programa, quatro feminicídios foram contabilizados somente em 2012.

A Rede de Frente – parceria entre Defensoria Pública, Polícia Judiciária Civil, Polícia Militar, Ministério Público, Judiciário e outras instituições – foi pré-selecionada para concorrer ao Prêmio Innovare 2019 (617 práticas de todo o país concorrem ao prêmio).